“Sentado numa cadeira, seu lindo nome escrevi. lembrando letra por letra, suspirando, adormeci.”