“É melhor viver uma fantasia esplêndida que uma realidade cruel”