“…nas cordas das violas apaixonadas Deus dedilha os seus acordes apaixonados.”