“Amor não se conjuga no passado; ou se ama para sempre, ou nunca se amou verdadeiramente.”